Sobre este dia incrível em que visitei a casa do maior pintor impressionista e tudo o que há de lindo em seu jardim.

DSCN4922

Há anos queria conhecer esta casa, de um dos mais importantes artistas do século XIX.

Sobre a forma de chegar a Giverny, não vou entrar em detalhes, mas tem que pegar um trem que sai da estação Saint-Lazare em Paris, tem vários horários. Desce em Vernon, cerca de 7km de Giverny, já na saída da estação você pode ver os ônibus que vão direto à Giverny, e você pode comprar ida e volta. Também tem trenzinho, bike, táxi e uber. A escolher.

A viagem em si é uma delícia, e a gente vai vendo as cidades e campos do norte da França. Lugares bonitos mesmo.

Monet viveu entre 1840 e 1926, e se mudou para Giverny em 1883, onde ajudou a criar os jardins, e também onde criou suas maiores obras, inclusive a série Nenúfares, sobre as flores que caiam no lago que existe na propriedade. Ele curtia pintar ao ar livre e foi em Giverny que encontrou esta liberdade.

Sobre a série Nenúfares vou falar em um post específico pois fui ao museu onde estão os quadros e é indescritível.

Primeiro deixa eu falar da casa com ambientes coloridos e cheios de arte e beleza. Pequena e aconchegante, apropriada para uma mente sensível. Dizer que me emocionei foi pouco. O atelier do artista também é sensacional. Vale a pena passar os slides e ver todas as fotos, mesmo!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mas o que nos extasia são os jardins, que parecem seguir até o horizonte e são enormes. Com uma variedade gigante de flores e cores, tive dificuldade em parar de fotografar. Foram 269 fotos do passeio todo, e olha que parei em vários momentos apenas para curtir p visual. Tem vários bancos e tals.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Aí você vai andando e construiram uma rodovia entre o jardim e o lago, mas fizeram uma passagem subterrânea lindinha. Você chega e pronto: não sabe se ri, se chora, tira foto ou só aprecia o momento mesmo.

A ponte japonesa e os chorões estão lá, os inúmeros turistas também.

Não há o que dizer, só a beleza extrema deste lugar. As fotos vão falar mais do que qualquer adjetivo que eu encontre.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Só mais uma coisa: passear por Giverny também vale a pena, tem um museu de impressionistas (que não fui) e a cidadezinha que é um espetáculo aos olhos.

IMG_6583

P.S.: a lojinha do museu é de enlouquecer! Só digo isso. hahahaha

Anúncios