Produção exclusiva da Netflix com a Kyoto Animation.

1ª Temporada: o episódios foram liberados semanalmente a partir de 11 de janeiro de 2018.

violet-evergarden-chega-netflix

O anúncio da adaptação desta light-novel gerou muita expectativa, pois esta série japonesa, escrita por Kana Akatsuki e ilustrada por Akiko Takase, venceu o Grande Prêmio na quinta edição dos Prêmios Kyoto Animation em 2014, sendo a primeira obra a vencer nas três categorias (romance, cenário e manga).

Ao longo do ano, foram liberados teasers e posters que deixaram os fãs empolgados.

E a série não desapontou: com uma qualidade artística visual acima da média, a série japonesa nos conta a história de uma jovem soldado em crise com o final da guerra.

Violet foi criada para ser uma “arma de guerra”, com dificuldade em demonstrar e interpretar sentimentos. Sabemos um pouco sobre ela em flashbacks muito bem pontuados ao longo dos episódios.

Ela decide trabalhar como Boneca de Memórias Automáticas, uma pessoa que escreve cartas e transcreve emoções para aqueles que não tem tais habilidades.

Tudo isso numa tentativa de entender a si mesma e aos próprios sentimentos.

Violet vai, aos poucos, aprendendo a interagir com as pessoas a sua volta, assim como vai alterando destinos, com sua clareza de espírito e racionalidade.

A série em 13 episódios, de cerca de 25 minutos cada, já tem previsão de segunda temporada, e termina de forma doce e melancólica.

Ideal para quem gosta de mangá e as deliciosas histórias tristes que só os japoneses sabem fazer.

Nota: 4,5

Anúncios