Diana Gabalton

Tradução: Geni Hirata

Editora Saída de Emergência Brasil

Rio de Janeiro/RJ  – 2014 – 1ª Edição

DSCN0645.JPG

Você consegue 10% de desconto na Livraria Saraiva.

Esse é um livro de peso, literalmente, tem 800 páginas! :O

E precisa de fôlego para ler porque, apesar do lance fantástico da viagem no tempo, tem muito de história nele.

Vamos à sinopse: o romance fala da mocinha Claire e seu reencontro com o marido no final da II Guerra Mundial, ambos partem para uma lua de mel, em Inverness, na Escócia. A mocinha decide dar uma passeadinha pelo local e passa por um portal, indo parar  em 1743. É! Bobinho né? Só que não.

Porque aí a autora começa a história de verdade, nos dando um exemplar histórico do período, explicando como são as roupas, alimentos, interação entre os pobres. Meios de transporte. A guerra entre os ingleses e os clãs escoceses.

Nossa Claire vai parar em um clã e começa a participar, mesmo sem querer, das intrigas e guerrilhas da época. Em paralelo se apaixona por um escocês, mesmo sendo casada e tal.

Ela também fica tentando voltar ao local do portal, mas como ninguém acreditaria na sua versão de viagem no tempo, vai se adaptando às circunstancias e vivendo como pode.

O livro rende tantos fatos históricos deste período da história que a autora deu continuidade e escreveu não um, mas sete! livros continuando a saga da mocinha e seu grande amor escocês, passando aí por vários locais e eventos históricos.

Também tem série de TV já disponível no Netflix (1ª temporada), mas já está na terceira, assisti alguns episódios e parece bem bacana, mas ainda estou atrasada com outras séries então não insisti.

O lance é que são muitos livros e muito longos também. A partir do terceiro livro, a editora começou a dividir em duas partes, de tão grandes que são.

Não me entenda mal, os livros são ótimos, já li o segundo – do qual falarei mais adiante, e o terceiro (partes 1 e 2) está na estante, na meta de leitura. Mas não é uma leitura de final de semana. Apesar do romance e do sexo, o foco do livro é nos eventos históricos e no suspense que é produzido nas tentativas de Claire voltar ao seu local de origem. Além de tentar com muito esforço não se envolver tanto e portanto mudar os rumos da história.

Eu recomendo para leitores que curtem livros longos e históricos. Quem prefere uma leitura mais básica, como Dan Brown, por exemplo, pode passar adiante. 😉

Pela Editora Arqueiro já temos até o 5º livro publicado, mas ao todo, são 9 livros! Ufa! Boa sorte para Claire e também para nós.